"Blogs de Portugal"

terça-feira, fevereiro 15, 2011

Vale mais do que o euromilhões

Hoje senti muitas emoções...
Tive de voltar ao trabalho depois de cinco dias de pausa.
Ao chegar tive o calor das amigas que se lembraram do meu aniversário e que eu não contava.

A Catarina, minha ex aluna especial, quando me dirigi a ela para lhe dar bom dia, surpreendeu-me e emocionou-me, porque quando me viu disse: "Parabéns". Isto não seria tão espectacular se não fosse esta Catarina. Obrigada minha linda.

Outra novidade!!! Ao chegar a casa estava a florista com um lindo ramo de rosas, enviado pela minha querida amiga Guise de Guimarães. Aqui está ele.



Obrigada a todos que me encheram de mensagens lindas no telemóvel, no facebook e no gmail. Adoro-vos.
 Mais uma vez, a Amizade vale mais que o euromilhões!

À noite, já depois de jantar tocou a campainha e para surpresa minha... estava a minha grande amiga de infancia com as filhas e um delicioso bolo de chocolate feito pela querida Mariana a cantar-me os parabéns.

Os dedos do meu Idílio deslizaram pelo piano e cantamos todos afinadinhos


sábado, fevereiro 12, 2011

A paz que trago no meu peito...

A paz que trago hoje no meu peito é diferente da paz que eu sonhei um dia.

Quando se é mais jovem ou imaturo, imagina-se que ter paz é poder fazer o que se quer, repousar, ficar em silencio e jamais enfrentar uma contradição ou uma decepção.

Todavia, o tempo vai nos mostrando que a paz é resultado de entendimento de algumas lições importantes que a vida nos oferece.


A paz está no dinamismo da vida, no trabalho, na esperança, na confiança, na fé…


Ter paz é ter a consciência tranquila, é ter a certeza de que se fez o melhor ou, pelo menos, tentou…

Ter paz é assumir responsabilidades e cumpri-las, é ter serenidade nos momentos mais difíceis da vida.

Ter paz é ter ouvidos que ouvem, olhos que vêem e boca que diz palavras que constroem.

Ter paz é ter um coração que ama…


Ter paz é admitir a própria imperfeição e reconhecer os medos, as fraquezas, as carências.

Ter paz é não querer que os outros se modifiquem para nos agradar, é respeitar as opiniões contrárias, é esquecer as ofensas.

Ter paz é brincar com as crianças, voar com os passarinhos, ouvir o riacho que desliza sobre as pedras e embala os ramos verdes que em suas águas se espreguiçam…


Ter paz é aprender com os próprios erros, é dizer não quando não se quer dizer…

Ter paz é ter coragem de chorar ou de sorrir quando se tem vontade…

É ter forças para voltar atrás, pedir perdão, refazer o caminho, agradecer…

A paz que hoje trago em meu peito é tranquilidade de aceitar os outros como são, e a disposição para mudar as próprias imperfeições

É a humildade para reconhecer que não sei tudo e aprender até com os insetos…

É a vontade de dividir o pouco que tenho e não me aprisionar ao que não possuo

É melhorar o que está ao meu alcance, aceitar o que não pode ser mudado e ter lucidez para distinguir uma coisa da outra.
É admitir que nem sempre tenho razão e, mesmo que tenha não brigar por ela,

A paz que hoje trago em meu peito é a confiança naquele que criou e governa o mundo…

A certeza da vida futura e a convicção de que receberei, das leis soberanas da vida, o que a elas tiver oferecido.


( Este texto não é da minha autoria, foi-me enviado por uma grande amiga e resolvi colocá-lo aqui porque me identifico nele... porque ele fala pela minha alma.)

Manifestação de Professores de EVT

Entrem no site.
Vejam, reflictam e partilhem.
http://www.youtube.com/watch?v=vf44tYhgfy4