"Blogs de Portugal"

quinta-feira, dezembro 30, 2010

Final de 2010

Desejo a todos os meus amigos, familiares e visitantes um Final de Ano de Celebração.
Desejo que o próximo ano seja cheio de coisas boas.
Que tudo aquilo que surgir e não seja muito bom... possa ser aproveitado para fazermos uma renovação às nossas vidas!
Beijinhos para todos.
Flor

segunda-feira, dezembro 27, 2010

O Nosso Natal

Olhem a nossa famíla cá de casa, representada  no coração pelo Lucas.

Na noite de Natal, preparamos umas canções da época, para animar ainda mais o ambiente. Divertimo-nos muito! A música é um bom elixir para nos curar de mágoas e tristezas.

As Bolsinhas com técnica de ORIGAMI - ORINUNO

Estas são as bolsinhas que eu fiz para prendinhas de Natal.
Espero que quem as recebeu, tenha gostado.
São em tecido, mas com a técnica de origami, chamando-se na versão de tecido ORINUNO.
Parte-se de um quadrado e faz-se com dobragens e colagens.
Servem para colocar aquelas coisas pequenas que nós temos por todo o lado e que não devem andar soltas. Algumas delas, são verdadeiras bolsinhas para usar na toilete de uma festa.
Estão apresentadas e a partir de agora, aceito encomendas.
Beijinhos, Flor

quinta-feira, dezembro 23, 2010

Encontro Nacional APEVT

Encontro Nacional APEVT


Já está marcado o Encontro Nacional APEVT.
É já dia 15 de Janeiro de 2011, em Aveiro.
Contamos com a forte presença de todos os colegas de EVT.
A participação é gratuita mas a inscrição obrigatória.
O Programa será divulgado brevemente mas contamos com a participação dos professores de EVT, de alguns especialistas nesta área científica e educativa, dos Sindicatos, dos diversos Grupos Parlamentares, das Escolas Superiores de Educação e outras pessoas e entidades.

EU VOU!




domingo, dezembro 19, 2010

Arranjo de Natal

O meu arranjo de Natal.

A minha madrinha ofereceu-me um ramo de azevinho matizado do seu jardim, para eu fazer um arranjo de Natal.
Tive de circular pelo quintal e pela casa, à procura de materiais para juntar ao azevinho. 
O jardim não tem flores...
Queria pinhas... mas não me apetecia ír ao monte,
Cortei uns raminhos do pinheiro do meu jardim, peguei em algumas nozes que a minha sogrinha me mandou, peguei numas espigas pequeninas que me tinha dado a Dona Maria do Carmo, mais uns pés de hipericão seco, e comecei a trabalhar. No final e para dar um toque mais bonito passei verniz em spray .Gostei muito do resultado que surgiu de forma intuitiva. Agora as minhas mãos estão muito picadas... é que tive de lavar as folhas de azevinho uma a uma porque estavam cheias de pó... e ele pica!!!!
Mesmo assim acho que valeu a pena.
Sem gastos de dinheiro aproveitando o que se tem em casa, pode-se fazer trabalhos originais nesta época de crise.

segunda-feira, dezembro 13, 2010

Sinto que estou como o Mário de Andrade.



O valioso tempo dos maduros


Contei meus anos e descobri que terei menos tempo para viver daqui para a frente do que já vivi até agora.
Tenho muito mais passado do que futuro.
Sinto-me como aquele menino que recebeu uma bacia de cerejas.
As primeiras, ele chupou displicente, mas percebendo que faltam
poucas, rói o caroço.
Já não tenho tempo para lidar com mediocridades.
Não quero estar em reuniões onde desfilam egos inflamados.
Inquieto-me com invejosos tentando destruir quem eles admiram,
cobiçando seus lugares, talentos e sorte.
Já não tenho tempo para conversas intermináveis, para discutir
assuntos inúteis sobre vidas alheias que nem fazem parte da minha.
Já não tenho tempo para administrar melindres de pessoas, que apesar da idade cronológica, são imaturos.
Detesto fazer acareação de desafectos que brigaram pelo majestoso cargo de secretário-geral do coral.
'As pessoas não debatem conteúdos, apenas os rótulos'.
Meu tempo tornou-se escasso para debater rótulos, quero a essência,
minha alma tem pressa...
Sem muitas cerejas na bacia, quero viver ao lado de gente humana,
muito humana; que sabe rir de seus tropeços, não se encanta com
triunfos, não se considera eleita antes da hora, não foge de sua mortalidade,
Caminhar perto de coisas e pessoas de verdade,
O essencial faz a vida valer a pena.
E para mim, basta o essencial!
                                                                                        Mário de Andrade

domingo, dezembro 12, 2010

Ao rasgar a folha do calendário...

do mês de Novembro, (ainda não a tinha rasgado!), chamou-me a atenção este provérbio árabe que estava nas costas da folha:

Nunca digas tudo o que sabes
Nem faças tudo o que podes
Nunca acredites em tudo o que ouves
Nem gastes tudo o que tens

Porque:
Quem diz tudo o que sabe
Quem faz tudo o que pode
Quem acredita em tudo o que ouve
Quem gasta tudo o que tem

Muitas vezes:
Diz o que não convém
Faz o que não deve
Julga o que não conhece
Gasta o que não pode

Será mesmo de árabes!!!!
Será a minha mãe de origem árabe??? É que ela dizia-me muito estas frases!!!

quarta-feira, dezembro 08, 2010

Saudades...

Hoje matei saudades...
muitas saudades!...
Fui à missa da Imaculada Conceiçção ao Externato Maria Auxiliadora, onde dei aulas durante dez anos.
Adorei ver as minhas amigas e as irmãs, assim como antigos alunos. Soube-me muito bem rezar e cantar com elas, naquela capelinha tão bonita.


Agora sim...



Cheira a Natal cá em casa!!!
Este ano pela primeira vez, a tarefa de decorar a Árvore de Natal e o Presépio, foi da inteira responsailidade da Rafaela e do Lucas.
Foi um momento de grande alegria e de partilha para os dois e o resultado foi muito bonito.
Parabéns, queridos filhos, pelo vosso gosto no trabalho!
Eu tenho tido outras tarefas!!!

 

domingo, dezembro 05, 2010

Pedido

Queridos amigos,
Se precisarem, ou souberem de alguém que necesíte de empregada para limpeza, para passar a ferro ou tomar conta de crianças na zona de Viana (cidade e arredores), conheço uma jovem que está disponível e precisa muito de trabalhar.
Por favor entrem em contacto comigo.